terça-feira, 27 de janeiro de 2009

Compreendi que te amo...



Compreendi que te amo
Quando só um atraso teu era o bastante,
Para que a indiferença em mim se dissolvesse
Por temer que tu não viesses mais.

Compreendi que te amo
Quando só uma frase tua já bastava,
Para fazer com que uma noite comum
Começasse por encanto a iluminar-se.

Imagina que há pouco tempo atrás
Falando com alguém, me vi dizendo assim:
Que nunca, nunca mais
Voltaria a acreditar no amor

A iludir-me e sonhar.
E eis que depois,
Compreendi que te amo.

Belinha Sweet Girl

Um comentário:

thaynara disse...

o poema compreendi que te amo e muito lindo!!!!!