quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Ser poeta



Ser poeta é ser palavra
É orquestrar sentimentos
É transmitir o que vai na alma
Eternizar os momentos

Fazer falar o coração
Em linguagem desconhecida
Para muitos que a razão
Não deve ser esquecida

É o gritar
Que ninguém ouve
É o nada falar

Ser poeta é ser palavra
Que não é proferida
É agarrar a vontade
E soltar a voz
Que se julgava adormecida

Darsham