quarta-feira, 27 de junho de 2007

Ser o vento



Nesse momento,
penso em voce...
E então quisera,
me transformar em vento...
E se assim fosse,
ir até você agora...
Como brisa fresca,
tocaria levemente tua janela...
E se você escutar
e me permitir entrar...
Em você vou me enroscar,
sem o tocar...
Vou roçar no teu lençol,
soprar mansinho no teu ouvido...
"Boa noite” e te embalar,
no meu carinho...
Mas eu,não sou o vento...
Agora sou,só pensamento...
E estou pensando em você...
E se abrir tua janela...
Eu estarei ai agora,
em pensamento...no vento...
A te amar mansamente!.

Ceci_Poeta

Um comentário:

Luis Orengo disse...

Muito lindo adorei parabéns