quarta-feira, 27 de junho de 2007

Delírios de sedução!



Preciso estar contigo, com seu jeito sem igual.
Amor da minha simbólica vida venha me ver.
Quando se ama de verdade, é tudo especial!
Colocaremos a chama do nosso amor ferver.

Você é meu mar, meu novo horizonte...
Quero me perder no deserto com você,
Fazê-lo lembrar de mim eternamente.

Numa noite de luar, você vem cheio de sede
E eu serei a sua água do seu infinito prazer.
Usarei a minha sedução para o seu bem querer.
Minha paixão, minha pura tentação...
Você doce loucura, minha perdição!

Amor é um sentimento quando se é correspondido.
Paixão é um momento exclusivo sem limite de delírio.
Estou afim desta louca paixão, venha cá me amar.
Faça-me feliz, venha cuidar de mim, me degustar!

Você é meu forte temporal, você é arrebatador!
Delírios de sedução, ilusão de amor...
De repente sobre mim, fatal e ameaçador.
Impossível fugir das garras do caçador.


25.06.2007
* Se copíar, favor divulgar a autoria. Obrigada!

Graciele Gessner

3 comentários:

Anônimo disse...

Muito linda essa poesia,bem profunda as palavras...Amei..
bjosssss
Nynha

Sensibilidade a navegar com poesias disse...

Parabéns pelo belo Blog...amei...me visite

Luis Orengo disse...

Linda !!!