sexta-feira, 8 de maio de 2009

O que és a meus olhos e pensamentos!



a tua verdadeira beleza,
vem do interior,
não do exterior,
se não és juiza,
és criminosa,
invadiste-me o coração,
fizeste da amizade paixão,
e isto sem pedires autorização,
provocaste uma devastação,
mas não estou contra essa ação,
adorei,
por ti me apaixonei,
és quem sempre procurei…desejei,
fiz uma jura,
de nunca te magoar,
nunca te vou deixar,
nem fazer uma fuga,
mas sim ficar,
para toda a vida,
pode ser como amigo,
ou namorado,
mas para sempre ficara gravado!

Luluwriter

2 comentários:

Luluwriter disse...

Ola, pesquisando o meu trafego na net, reparei que tinha postado um poema meu no seu blog, desde jà obrigado, sinal que gostou, mas queria lhe pedir um favor, se podesse editar seu post e pusesse la o link do meu blog,agradeço desde jà!

Boa continuação, abraço!

Mariar disse...

Adoro suas poesias uma delas combinou com uma postagem q botei no meu blog voltei aqui para botar o autor e não encontrei q pena pois eu errei devia ter colocado são lindas duas poesias.. beijos