terça-feira, 8 de janeiro de 2008

Tanto tempo que te amo



Te amo desde o tempo da brincadeira de irmãos.
Desde que senti meu coração batendo por ti.
Nossa amizade tomando novos rumos,
Você se tornando o sentido do meu viver.
Te amar foi o motivo real de ser,
Foi situação da razão e da emoção.
Sentido entre o amor e o poder,
Entre o sentimento e o querer.
Faz tanto tempo que te amo
E só agora sinto a sua presença.
Longe ou perto eu te amo!
Sinto que você continua ao meu lado,
Suas lembranças se tornaram vivas
Recheadas de expectativas.

05.01.2008

Copyright-©2008 Graciele Gessner.

2 comentários:

claudia disse...

oiii,minha linda!!!que maravilhoso te reencontrar!que esse ano seja pra vc mais uma ano de grandes realizações.tenha uma quarta-feira maravilhosa,e não vamos mais perder contato,adoro vc!beijos enormes no seu♥

Adri disse...

Olá Lindo poema Astrid... Bju