segunda-feira, 5 de maio de 2008

Atrevida



ATREVIDA...?
Sim, eu sou,
não gostou?
foi você quem provocou.
Mais ainda não provou,
do que eu posso te mostrar.

Sim, atrevida,
vou ser,
por te conhecer,
e me querer,
e me deixar levar,
junto com você,
ao êxtase do amar.

Serei tão atrevida,
que estarei desprevinida,
de você em minha vida,
menos amizade colorida.

Atrevida,
em te provocar,
louca irei ficar,
se as costas ,
para mim virar.
Só por querer te amar?

Pois sou tão atrevida,
a ponto de te beijar,
e me atirar em seus
braços, no minímo espaço,
causando-lhe embaraço,
te jogando o laço.
e te vencer no cansaço.

Atrevida, segue
movida,
pela vida,
quero você,
no meu caminho.
te carrego pro meu ninho.
para atrevido ser,
e me fazer mulher,
claro se você quiser!

Vai se atrever e dizer que não quer?!

ANACAROLINALOIRAMAR
05/05/08

Um comentário:

nieli disse...

lindo seus poemas!!!